Publicidade

Produção de caminhões registra crescimento de 5% em novembro

DAF/Divulgação
A produção brasileira de caminhões segue se recuperando dos efeitos da pandemia de Covid-19 (Coronavírus) e encerrou o mês de novembro registrando um novo crescimento.

De acordo com o balanço oficial da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), 11,5 mil caminhões foram produzidos no Brasil ao longo do mês de novembro, crescimento de 5,2% em relação a outubro, quando foram produzidos 10,9 mil unidades. 

Já no comparativo com novembro de 2019, quando foram produzidas 8,8 mil unidades, a indústria brasileira registrou um crescimento expressivo de 30,9% na produção de caminhões.


Entretanto, no acumulado de janeiro a  novembro de 2020 foram produzidos 80,5 mil caminhões em todo o país, queda de 25,2% em relação ao mesmo período de 2019, quando foram produzidos 107,5 mil caminhões.

“Os bons números de novembro dão alguma esperança para um 2021 melhor, desde que a pandemia seja controlada por vacinas, e que o ambiente de negócios no país seja estimulado por medidas de controle da dívida pública e reformas estruturantes que nos permitam ser competitivos”, afirmou o Presidente da Anfavea, Luiz Carlos Moraes. “Mas antes disso teremos de superar alguns desafios imediatos em nosso setor e no país, como o aumento dos casos de covid-19, o risco de paralisação por falta de autopeças e a pressão de custos ligados ao câmbio e insumos. Tudo isso vem prejudicando uma retomada mais rápida da indústria”, ressaltou.

Confira na íntegra os números da Anfavea: CLIQUE AQUI

Caminhões e Carretas

Postar um comentário

0 Comentários