Publicidade

Mercedes-Benz é a fabricante de caminhões mais inovadora do Brasil

Mercedes-Benz/Divulgação
A Mercedes-Benz do Brasil acaba de ganhar o reconhecimento como a fabricante de caminhões mais inovadora do mercado brasileiro. De acordo com resultado anunciado ontem no Whow! Festival de Inovação, maior evento do setor, realizado em formato digital, a Companhia ocupa também a melhor posição entre as empresas do setor automotivo e o 2º lugar no Ranking geral Whow! das 100 empresas mais inovadoras do País, considerando todas as categorias.

Em sua 3ª edição, o Prêmio Whow! de Inovação, organizado pelo Centro de Inteligência Padrão (CIP), busca identificar e reconhecer empresas e instituições que produzam inovação consistente com repercussões efetivas nos negócios.

Entre as inovações recentes trazidas pela Mercedes-Benz ao mercado destacam-se o Novo Actros, o caminhão mais inteligente, eficiente, conectado e seguro do Brasil, o novo patamar de serviços e conectividade, o avanço do conceito Fábrica 4.0 nas plantas da Empresa e novas formas de relacionamento com clientes e também com startups de diversos segmentos.

“Esta semana foi muito especial para a nossa Empresa, que foi duplamente premiada por conquistas no campo da inovação. Além do Prêmio Whow!, dois dias antes recebemos o Prêmio AutoData de Inovação Tecnológica. Estamos felizes em receber este importante reconhecimento pelo árduo trabalho de nossa equipe para trazer inovações aos nossos clientes”, afirma Karl Deppen, presidente da Merceds-Benz do Brasil & CEO América Latina. “Divido o mérito das vitórias com nossos colaboradores, parceiros fornecedores e de startups, concessionários e também com os clientes, para quem sempre buscamos oferecer inovações e soluções para cada uma de suas demandas”.

Novo Actros é o primeiro caminhão digital do mercado
Primeiro caminhão digital do mercado, o Novo Actros inova com soluções como o MirrorCam e inéditas tecnologias de segurança ativa. O MirrorCam é um sistema que substitui os retrovisores convencionais por câmeras digitais, fazendo desse Mercedes-Benz o primeiro caminhão sem retrovisor externo do País.

Esse extrapesado rodoviário trouxe para o mercado inéditas tecnologias de segurança ativa que são de série, evitam acidentes e protegem vidas, como os Assistentes Ativo de Frenagem (ABA 5 – único do mercado que identifica veículos, pedestres e objetos à sua frente e freia sozinho, caso o motorista não tome a ação necessária), de Ponto Cego, de Fadiga e o Programa Eletrônico de Estabilidade ESP. Além disso, oferece os conhecidos Controle de Proximidade e Assistente de Faixa de Rolagem.

Com base em telemetria, inteligência artificial, algoritmos, tecnologia digital e automatização, o Novo Actros leva a Mercedes-Benz a um novo patamar de serviços e conectividade. Entre as soluções que chegaram ao mercado juntamente com esse caminhão destacam-se inovações exclusivas para o segmento de caminhões, como, por exemplo, o Mercedes-Benz Uptime e aplicativos que ajudam o motorista no dia a dia.

“A partir de diversas tecnologias conectadas e interativas, inovamos para ampliar o apoio e a assistência aos clientes na gestão de sua frota, na logística e nas ações de manutenção”, diz Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas e Marketing Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “Nosso amplo portfólio de Peças e Serviços ganha assim novos serviços em total sintonia com a evolução do mercado, que aproveita cada vez mais o potencial do mundo digital. É o caminhão inteligente na palma da mão, com serviços pelo celular e no painel digital pelo espelhamento de celular”.

Com tanta inovação e com todo o pacote de tecnologias do top de linha da marca no País, a Mercedes-Benz dá um novo sentido ao termo Transporte Responsável, que é o de pensar na segurança e na economia de combustível, que, como consequência, tem impacto positivo no meio ambiente, contribuindo assim para o início de uma transformação em todo o ecossistema de transporte.


Inovações com Fábrica 4.0 e Central de Relacionamento com o Cliente reformulada
O Novo Actros é um caminhão que já tem seu lugar registrado na história do transporte rodoviário ao trazer para o Brasil o que há de mais avançado em termos de desempenho, economia, segurança e conectividade. “Para chegar a esse lançamento, toda a linha de produção da Mercedes-Benz do Brasil precisou ser reinventada. Hoje temos efetivamente uma Fábrica 4.0, com o que há de mais inovador em processos automatizados, o que se traduz em maior produtividade, menores impactos ambientais e melhores condições para que nossa Empresa se antecipe às necessidades dos clientes e aos desafios tecnológicos do setor”, ressalta Leoncini.

A Central de Relacionamento com o Cliente (CRC) também precisou ser reformulada, tanto com a implantação de um novo software de CRM como uma mudança de perfil dos agentes, pois a CRC é um dos principais elos de conectividade entre o caminhão e toda a estrutura da Mercedes-Benz. A tecnologia embarcada no Novo Actros permite que o caminhão converse o tempo todo com os sistemas da Fábrica e sinalize para a equipe da CRC, de forma antecipada, qualquer anomalia que poderia ocasionar uma parada inesperada do veículo. Isso permite que a equipe aja preventivamente, contatando o motorista e transmitindo a ele as orientações necessárias e, se preciso, a mais rápida assistência técnica, 24 horas por dia.

Mercedes-Benz é a empresa que mais inova com startups
Visando encontrar no mercado soluções inovadoras, assertivas e que tragam resultados rápidos para a Empresa e para os clientes, a Mercedes-Benz do Brasil vem intensificando parcerias com startups de diversos segmentos. Entre os exemplos já em prática estão o caminhão com direção autônoma na colheita da cana-de-açúcar desenvolvido juntamente com a Grunner e a Fazenda Urbana da BeGreen, montada dentro da própria fábrica em São Bernardo do Campo (SP). Além disso, a marca lançou recentemente, em conjunto com a Mobiauto, o Showroom Virtual Star Online, primeira plataforma digital online do mercado para vendas de veículos comerciais, peças e serviços.

“Aqui, na Mercedes-Benz, estamos sempre pensando e buscando novas formas de fazer negócios, envolvendo novas plataformas digitais e novos parceiros para atender às atuais e futuras demandas dos clientes”, acrescenta Karl Deppen. “Temos que nos questionar a cada dia. Por isso, estamos abertos às inovações, próximos de parceiros que tragam suas expertises e agreguem valor aos nossos processos e sabendo que esse compromisso gera melhorias no transporte, mobilidade, qualidade de vida e segurança das pessoas e à sociedade como um todo. Aliás, nós criamos uma plataforma online para que todos possam enviar sugestões, onde quer que estejam: www.movemosomundo.com.vc. Afinal, a Mercedes-Benz trabalha para todos que movem o mundo”.

Sobre o Prêmio Whow de Inovação 2020
A metodologia adotada pelo Centro de Inteligência Padrão (CIP) abrangeu a identificação de cases inovadores de 3 mil empresas de diversos segmentos, que se inscreveram no CIP e também foram objeto de um meticuloso processo de desk research, que varreu sites, blogs, portais, redes sociais e fóruns de discussão para identificar o que de mais representativo foi registrado na produção de inovação no País em um período de 12 meses anteriores a maio de 2020. A partir da base de dados coletada, uma análise preliminar classificou 250 empresas, que foram credenciadas a participar de uma segunda rodada de avaliações.

O grupo de 250 empresas foi então avaliado pela Hyper Island, a mais prestigiada escola de inovação do mundo e parceira do CIP neste reconhecimento, além de um grupo de jurados formado por profissionais com história e atividades ligadas à inovação. Este júri teve a incumbência de mensurar a qualidade das empresas e os seus cases a partir de três critérios: relevância da inovação, projeção de futuro da inovação e valor adicionado possível pela inovação.

Ao fim do processo de avaliação, o CIP realizou a sistematização e a validação dos dados obtidos, identificando a empresa mais inovadora de cada segmento e também o Ranking Whow!

FONTE: Mercedes-Benz

Postar um comentário

0 Comentários