Randon Implementos registra crescimento no primeiro trimestre de 2019

Randon Implementos/Divulgação
A Divisão de Montadoras das Empresas Randon, encerrou o primeiro trimestre com bons motivos para comemorar. No primeiro período de 2019 a marca registrou um número expressivo de implementos rodoviários comercializados no Brasil e no mercado externo. 
De acordo com o balanço oficial, divulgado pela empresa gaúcha, nos três primeiros meses de 2019 a Randon Implementos comercializou 4.413 implementos, número que garantiu a marca gaúcha uma participação de 31,6%.
As exportações de semirreboques também apresentaram crescimento significativo em relação ao primeiro trimestre de 2018. De acordo com a Randon, no primeiro trimestre de 2019 a receita de exportação proveniente de semirreboques apresentou crescimento de 40,5% no comparativo com o mesmo período do ano passado.
Confiante na retomada economia brasileira, a Randon Implementos confirmou ainda uma série de iniciativas e investimentos para elevar sua produção em 30% até meados do ano para fazer frente à demanda aquecida do mercado nacional. 
“A tônica deste novo momento é a confiança de que teremos um ciclo positivo, mas com desafios para controlar a inflação de materiais e conduzir bem os processos de integração das novas controladas. Também estamos atentos ao crescimento econômico brasileiro, fator fundamental para a estabilização da demanda”, observou o CFO das Empresas Randon, Paulo Prignolato.
Atualmente a Randon Implementos é a maior fabricante de reboques e semirreboques da América Latina e está entre as maiores do mundo. Possui três fábricas no Brasil, nas cidades de Caxias do Sul-RS, Chapecó-SC e Araraquara-SP e uma unidade para distribuição de peças em Linhares-ES. No exterior, há uma unidade fabril em Rosário, na Argentina e outra em Lima, no Peru.

LEIA: Empresas Randon completam 70 anos

TEXTO: Lucas Duarte
Com informações: Randon

Postar um comentário

0 Comentários