14 estados terão aumento no preço do óleo diesel a partir da próxima quinta-feira

Reuters/Diego Vara
A partir da próxima quinta-feira, 16 de maio, o preço do óleo diesel poderá ser reajustado em 14 estados brasileiros. O aumento de preço acontece em decorrência dos novos valores de referência apresentados pelos governos estaduais no que diz respeito à cobrança do Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços (ICMS), sobre os combustíveis.
Pela atual legislação tributária brasileira, as alterações dos preços médios dos combustíveis acontecem após uma permissão concedida pelo Ministério da Fazenda, que autoriza a correção do imposto sobre o valor praticado nas bombas a cada 15 dias. Para chegar ao reajuste, as secretarias de cada Estado realizam pesquisas para definir o preço médio cobrado por litro de combustível nas revendedoras.
Os novos preços de referência para o óleo diesel foram divulgados pelo Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) na última sexta-feira, 10 de maio, através do Ato Cotepe/PMPF nº10/2019, publicado no Diário Oficial da União (DOU). 
Pela publicação verifica-se que os aumentos acontecerão no Acre, Alagoas, Distrito Federal, Espirito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Norte, Roraima, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo. Já nos estados do Amazonas e do Amapá o preço de referência do óleo diesel será reduzido. Nos demais estados não citados o preço médio segue mantido. Nestes mesmos estados as alterações para mais ou para menos também valem para a gasolina e para o álcool. 
Com as mudanças, o estado do Acre segue registrando o maior preço médio do óleo diesel (R$ 4,4889) e o estado do Amapá o maior preço médio do óleo diesel S10 (R$ 4,6050).

Confira na íntegra a publicação do CONFAZ: CLIQUE AQUI

TEXTO:
Lucas Duarte

Caminhões e Carretas 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

9 comentários:

  1. E vai subir muito mais povo não tem coragem de reagir estão no bolso do Bolsonaro kkk só fica na ameaça não faz nada .

    ResponderExcluir
  2. Bom dia.
    Até quando nós brasileiros vamos aguentar esses aumentos sem fazer nada?
    Como diz o Governo a Petrobrás é do povo brasileiro então, vamos vender ela, se ela é nossa por que pagamos o preço do diesel mais caro do mundo?
    Aqui está a minha indignação

    ResponderExcluir
  3. onde ja se viu a Petrobras lucrar 4 bilhões no primeiro trimestre

    ResponderExcluir
  4. Bom nso defendo político mas vale lembrar que este aumentool sera devido ao aumento do ICMS imposto estadual

    ResponderExcluir
  5. Isso roubo brasileiro óleo diesel

    ResponderExcluir
  6. Daqui apouco vamos abastecer com imposto nao com liquido nao da mais povo descansado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. A décadas de dia sermos donos da Petrobras. Nunca foi tem e que vender o petróleo brasileiro e acabar com o MONOPÓLIO do combustível no Brasil. E tem mais os donos de combustíveis e TÃO corrupto QUANTO o governo . A com este povinho medíocre nunca seremos uma nação

      Excluir
  7. Quem somos nós para lutar por esses aumentos abusivos , eles tem o poder nas mãos , tantas corrupções e roubos e no final quem acaba pagando e o pobre trabalhador. Que Deus olhe por nós pobres trabalhadores.

    ResponderExcluir
  8. Isso é bom pra esse povo aprender. Por confiar em políticos.

    ResponderExcluir