Indústria de implementos encontra importadores do Equador

A ANFIR- Associação dos Fabricantes de Implementos Rodoviários promoveu com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) uma rodada dupla de negócios no Equador. As empresas brasileiras estiveram em Quito (19 de março) e Guayaquil (21 de março) em reunião com importadores locais.
A ação integra o programa de incentivo a exportação que está em seu terceiro ano. Os representantes brasileiros presentes foram AL-KO, Forbal, Grimaldi, Hidromas, Ibiporã, Librelato, Planalto, Randon, Rossetti e Triel-HT. 
“Apresentamos ao transportador equatoriano o que a indústria brasileira produz de melhor para o transporte de cargas”, disse Mario Rinaldi, diretor Executivo da ANFIR em encontro com Luis Felipe Vizcaino,presidente Executivo da Fenatrape- Federación Nacional de Transporte Pesado del Ecuador e os principais empresários do setor logístico do mercado equatoriano.
Exportações
As vendas de implementos rodoviários ao exterior em 2018 apresentaram variação positiva. De janeiro a dezembro de 2018 foram vendidos ao mercado externo 4.113 produtos, ante 3.421 unidades no mesmo período de 2017. Isso representa 20,23% de crescimento.

Sobre o MoveBrazil
O Programa de Internacionalização da Indústria de Implementos Rodoviários (MoveBrazil) atua junto às empresas do setor de implementos rodoviários no desenvolvimento de estratégias para conquistar o mercado global. Em três anos de atuação tem dado suporte a 50 empresas inscritas no programa a entrar na trilha da exportação, realizando aproximadamente US$ 73,2 milhões em negócios. O Programa é conduzido pela ANFIR em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil).
FONTE: Anfir 

Postar um comentário

0 Comentários