Nova geração Scania passa a contar com ferramenta de ajuste de defletor de ar

Com o objetivo de garantir uma significativa economia de combustível a partir do uso correto do caminhão e de suas peças e acessórios, a nova geração Scania passa a contar agora com uma ferramenta que garante o ajuste correto do defletor de ar entre o cavalo mecânico e o semirreboque. 

De acordo com a montadora sueca, o ajuste correto dos defletores de ar do teto pode garantir uma economia de combustível de pelo menos 1%. “Uma mera altura incorreta de seis centímetros pode resultar em 1% de aumento no consumo de combustível e, com 10 centímetros de diferença, a penalidade de combustível é de 1,5%”, diz Per Elofsson, gerente técnico sênior de aerodinâmica da Scania.  


No ato da entrega, os caminhões Scania saem da concessionária com o defletor ar ajustado de acordo a altura do semirreboque mais utilizado pelo cliente.  A regra básica é fazer com que o ar flua do defletor ligeiramente acima da borda dianteira do semirreboque ou da carroceria. 

No entanto, a nova ferramenta da nova geração de caminhões Scania que consiste em um botão localizado no painel veículo, permite ao motorista ajustar o defletor de acordo com a altura do semirreboque engatado, seja ele mais alto ou mais baixo. Como orientação, recomenda-se que o defletor de ar seja um pouco alto em relação ao semirreboque engatado do que vice-versa. Segundo a montadora essa diferença de altura para mais, melhora o consumo de combustível nas operações de transporte. 

TEXTO: Lucas Duarte

Postar um comentário

0 Comentários