Giaffone e Roberval vencem com casa cheia em Campo Grande

Felipe Giaffone e Roberval Andrade foram os grandes protagonistas deste domingo na etapa de Campo Grande da Copa Truck. Os dois dividiram as vitórias do dia e travaram disputas de prender o fôlego do público que lotou as arquibancadas do circuito, recebendo a bandeirada das duas corridas separados por centésimos de segundo.
Na primeira prova, Giaffone fez valer a pole position e passou todas as 14 voltas com Roberval em seu cangote. Se, nas curvas, o caminhão do Corinthians ficava emparelhado ao do rival, nas retas o ex-piloto da Indy conseguia o respiro necessário para se manter na liderança. No fim da prova 1, a diferença entre os dois foi de somente 0s296, com Cirino completando o pódio.
Já na segunda corrida, os dois pilotos largaram da quarta fila por conta da inversão dos oito primeiros no grid e foram escalando tudo e todos até chegarem no líder André Marques, que, a princípio, não foi páreo para os dois. Desta vez à frente de Giaffone, foi a vez de Roberval transformar seu Scania em um tanque e bloquear todos os caminhos possíveis, terminando 0s134 à frente, com Marques crescendo no fim e completando o “top3” a somente 0s762 do vencedor. Giuliano Losacco e Luiz Lopes, ambos da Iveco, fecharam o pódio da corrida 2.
“Estou muito feliz. Achei muito bacana, foi um domingo mágico dentro e fora das pistas e isso era tudo o que eu desejava para o fim de semana. A disputa com o Felipe foi incrível nas duas provas. Conquisto mais uma vitória e, assim como o Corinthians, volto para casa satisfeito. Agora é ir para Goiânia brigar pela Copa Centro-Oeste”, comenta Roberval.
Com uma vitória e um segundo lugar, Giaffone e Roberval partem empatados para a decisão da Copa Centro-Oeste em Goiânia (GO), no dia 26 de agosto, com 38 pontos cada. Como Giaffone venceu a primeira prova, que vale mais pontos, ele levaria a melhor no critério de desempate caso a decisão fosse hoje. Marques é o terceiro, com 29, seguido de Losacco, com 26. Lopes e Debora Rodrigues (que largou na pole da corrida 2) estão empatados com 22 pontos na sexta posição.
“Como esta é uma pista difícil de ultrapassar, o show ficou mais legal ainda”, diz Felipe. “O Roberval e eu passamos o fim de semana disputando no braço. A temperatura alta foi um grande desafio para nós dois. Na primeira corrida ele tentava, vinha pra cima, mas eu consegui segurar; na segunda, o caminhão dele ‘acabou’ e eu fiz o máximo possível para passar, mas não consegui. Mais duas voltinhas eu passava. No fim, a gente foi pra galera e foi uma das coisas mais legais que fizemos”, garante Giaffone.
Para o público presente, foi uma experiência inesquecível: após a bandeirada, todos os presentes puderam entrar na pista para acompanhar o pódio e puderam tomar um banho de champanhe dos pilotos. Até quem não foi para o pódio – caso de Débora Rodrigues – não quis ficar de fora da festa. “Eles são o que temos de mais importante e quisemos recompensá-los por terem lotado as arquibancadas debaixo desse sol forte. Foi lindo”, destaca a única piloto feminina do grid. Com isso, tanto pilotos quanto espectadores puderam voltar para casa com um sorriso estampado no rosto.
Confira abaixo todos os resultados do domingo:
Corrida 1
Felipe Giaffone (Volkswagen), 14 voltas
Roberval Andrade (Scania), a 0s296
Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 3s403
Renato Martins (Man), a 11s194
André Marques (Mercedes-Benz), a 13s276
Giuliano Losacco (Iveco), a 22s141
Djalma Fogaça (Man), a 1min05s032
Debora Rodrigues (Volkswagen), a 1min07s070
Luiz Lopes (Iveco), a 1min10s289
Rodrigo Belinatti (Volkswagen), a 1min11s958
Adalberto Jardim (Ford), a 1min13s230
Duda Bana (Volvo), a 1min58s584
Fábio Fogaça (Ford), a 1 volta
Regis Boessio (Volvo) a 3 volta
Paulo Salustiano (Mercedes-Benz), a 5 voltas
Witold Ramasauskas (Man), a 5 voltas

Corrida 2
Roberval Andrade (Scania), 14 voltas
Felipe Giaffone (Volkswagen), a 0s134
André Marques (Mercedes-Benz), a 0s762
Giuliano Losacco (Iveco), a 16s628
Luiz Lopes (Iveco), a 26s499
Debora Rodrigues (Volkswagen), a 27s029
Rodrigo Belinatti (Volkswagen), a 45s447
Fábio Fogaça (Ford), a 1min31s674
Duda Bana (Volvo), a 1min32s979
Regis Boessio (Volvo), a 1 volta
Adalberto Jardim (Ford), a 1 volta
Renato Martins (Man), a 5 voltas
Djalma Fogaça (Man), a 7 voltas
Witold Ramasauskas (Man), a 8 voltas
Wellington Cirino (Mercedes-Benz), a 14 voltas

Classificação da Copa Centro-Oeste
Felipe Giaffone, 38 pontos
Roberval Andrade, 38
André Marques, 29
Giuliano Losacco, 26
Debora Rodrigues, 22
Luiz Lopes, 22
Rodrigo Belinati, 19
Wellington Cirino, 18
Renato Martins, 16
Fabio Fogaça, 15
Duda Bana, 15
Adalberto Jardim, 14
Djalma Fogaça, 13
Regis Boessio, 12
Witold Ramasauskas, 0
Paulo Salustiano, 0
Beto Monteiro, 0
FONTE: Copa Truck 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário