Comissão sugere implantação de áreas de escape no Anel Rodoviário de BH

Com o objetivo de reduzir os constantes acidentes envolvendo caminhões no Anel Rodoviário de Belo Horizonte, Minas Gerais,  a Comissão Parlamentar Especial de Estudo sobre a via sugeriu a construção de áreas de escape no trecho que corta a capital mineira e interliga as principais rodovias do estado, a BR-040 e a BR-381.
De acordo com a comissão, um recurso será apresentado à Via 040, para viabilizar a implantação de áreas de escape para caminhões e carretas sem freios na via, especialmente na descida entre os bairros Olhos D'água e Betânia, como forma de minimizar os riscos de acidente. 
Além disso, uma reunião seguida de uma visita técnica foi agendada para o próximo dia 13 de julho na sede da concessionária que pertence ao grupo Investimentos e Participações em Infraestrutura (Invepar). A reunião terá como objetivo avaliar a implantação das áreas de escape e os aspectos técnicos implicados na obra, que servirá de refúgio para os caminhões com problemas mecânicos, minimizando o risco de desastres.
Segundo o vereador Irlan Melo (PR), que requereu a visita técnica, a construção de áreas de escape deu excelentes resultados no sul do país, onde a empresa que administra o Anel de Integração do Paraná (trecho que liga Curitiba ao litoral) adotou a estratégia. De acordo com o parlamentar, desde sua instalação, o recurso de segurança foi utilizado quase 700 vezes, o que evitou prejuízos materiais e contribuiu para preservar centenas de vidas. 
Instalada em abril de 2017, a Comissão Especial de Estudo sobre o Anel Rodoviário busca avaliar e propor soluções contra o alto índice de acidentes registrados no Anel Rodoviário, uma das mais violentas de Belo Horizonte. 

Restrição ao tráfego de caminhões
No fim do ano passado, a Prefeitura de Belo Horizonte havia anunciado que restringiria o tráfego de caminhões no Anel Rodoviário a partir dos primeiros meses de 2018. Entretanto após várias reuniões entre os poderes e órgãos municipais, estaduais e federais a medida não saiu do papel como havia sido prevista pelo Prefeito Alexandre Kalil. 


LEIA: Prefeitura de Belo Horizonte restringirá o tráfego de caminhões no Anel Rodoviário

TEXTO: Lucas Duarte

Com informações: Estado de Minas 
Blog Caminhões e Carretas 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário