Caminhão de lixo trará economia de R$ 3,8 milhões a Curitiba

A Secretaria Municipal do Meio Ambiente apresentou nesta quarta feira (12) um novo caminhão compactador de resíduos com uma adaptação de um quarto eixo. Desenvolvido em parceria com a empresa Cavo, o caminhão adaptado poderá trafegar nas rodovias federais utilizando sua carga máxima de transporte, de 12,9 toneladas.
A mudança gerará para o Município uma economia mensal de R$ 320 mil, com um total de R$ 3,85 milhões ao final do primeiro ano. Isso porque, com o aumento de capacidade de 9 toneladas (no caminhão de três eixos) para 12,9 toneladas, a frota de coleta passará dos atuais 92 caminhões para 72 caminhões, a partir de janeiro de 2015.
Com a instalação do quarto eixo, além do aumento da capacidade de carga e consequente economia, a intenção é garantir uma maior eficiência na coleta e transporte e redução dos impactos ambientais.
O Secretário de Meio Ambiente de Curitiba, Renato Lima, diz que esta é mais uma inovação da cidade com vantagens ambientais e financeiras. “Todos nós ganhamos com esta inovação. Do ponto de vista ambiental teremos uma redução na emissão de gases, do trânsito, da poluição sonora e do ponto de vista financeiro será uma grande economia para o município de Curitiba", disse.
O gerente de operações da Cavo, Fernando Skrobot, conta que o desenvolvimento desta tecnologia está gerando o interesse de outras cidades. “A tecnologia é inédita e várias outras cidades estão nos procurando com interesse na adaptação. Conforme a demanda de cada local iremos usar essa tecnologia, apresentando um redução de preço no serviço com ganho ambiental”.
FONTE: Paraná Online 

Postar um comentário

0 Comentários