Greve avança e postos começam a ficar sem combustíveis em Minas

A paralisação das transportadoras de combustíveis começou a afetar os postos de gasolina de Minas Gerais. Já há notícia de dois postos sem gasolina em Belo Horizonte, na avenida dos Andradas e na avenida Tereza Cristina, além de um posto sem diesel no município de Conceição do Mato Dentro. A paralisação teve início na madrugada de terça feira e, inicialmente, afetava apenas os postos da bandeira BR, da Petrobras. No entanto, a adesão das transportadoras ao movimento cresceu e outras distribuidoras estão sendo afetadas. De acordo com o Sindicato Das Empresas Transportadoras de Combustível e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (Sindtanque-MG), centenas de caminhões-tanque pararam nas imediações da Refinaria Gabriel Passos (Regap), em Betim, e nas garagens das empresas transportadoras. Não há previsão para o fim da paralisação.
O presidente do Sindtanque, Irani Gomes, diz esperar o quanto antes uma resposta do governo. “Estamos tentando uma reunião com o governador Fernando Pimentel para ainda hoje e aguardando as distribuidoras para tratarmos das nossas reivindicações. Até que isso aconteça, a greve continua”, informou em comunicado enviado à imprensa. A greve é um protesto contra o baixo valor do frete pago pelas distribuidoras; perda de serviço para o transporte por trem; alta carga de impostos e taxas; além dos altos custos dos insumos que incidem sobre o frete. Os transportadores reivindicam: reajuste imediato do valor do frete, subsídio no óleo diesel, redução da carga tributária e do PIS/Cofins, recebimento da diária por hora parada, recebimento do vale-pedágio, incentivos para a modernização da frota, e melhoria da malha rodoviária.
De acordo com Bráulio Baião Chaves, diretor do Sindicato do Comércio Varejista de Derivados de Petróleo no Estado de Minas Gerais (Minaspetro), o desabastecimento já é realidade no estado. “A situação está muito complicada. O desabastecimento na rede BR já é generalizado. Vários postos sem nenhum combustivel, faltando etanol, gasolina, diesel. Ficamos na torcida para que os consumidores não sejam prejudicados, como os postos estão sendo. Todas as distribuidoras do estado estão sendo afetadas e já há relatos de postos que ficaram sem combustíveis. Amanhã, se a greve persistir, o desabastecimento será generalizado”.
A Petrobras foi procurada, mas até o fim da tarde não havia retornado com um posicionamento sobre a paralisação. Contatada, a Superintendência de Imprensa do Governo de Minas Gerais informou que não havia registro de reunião marcada para esta quinta-feira entre o governador e representantes do Sindtanque.
FONTE: Hoje em Dia 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

1 comentários:

  1. O Temer está sendo igual a Dilma no governo em relação aos caminhoneiros. Onde já se viu, com o petróleo em queda de preços e decadência no mercado internacional, perdendo para as fontes renováveis de energia, por aqui valer tanto? A carga tributária é pesada (800 BILHÕES arrecadados em impostos do início do ano até este mês) e não se vê nenhuma mudança! A Operação Lava-Jato pouco adianta para tantos corruptos, o que nos resta mesmo é a intervenção militar!

    ResponderExcluir