Volksbus 8.160 OD rural: mais robusto e com o menor preço do mercado

A MAN Latin America apresenta a nova versão do Volksbus 8.160 OD ORE1 – Ônibus Rural Escolar Pequeno. O modelo chega ao mercado ainda mais competitivo e robusto, reforçado com pacote de itens que atendem às demandas do programa federal Caminho da Escola.
O principal destaque é o inédito sistema de suspensão elevada e com molas trapezoidais, que aliado a ângulos de ataque e saída elevados, com um centro de gravidade baixo, facilitam a transposição em terrenos acidentados, ampliam o conforto a bordo e a segurança, além de trazer uma excelente dirigibilidade e dinâmica tanto em rotas fora de estrada como em rodovias pavimentadas.
A nova configuração ganhou também freios a tambor, mais resistentes a percursos com poeira e pedregulhos, além de bloqueio no diferencial, que auxilia na saída de atoleiros e terrenos escorregadios. O chassi é reforçado para suportar as mais severas aplicações, garantindo a maior durabilidade da estrutura do veículo.
“O 8.160 ORE1 foi projetado para encarar as mais diversas e severas condições de rodagem e agora, em nova versão, está ainda mais robusto, com manutenção mais simples e o menor preço de aquisição do mercado”, afirma Jorge Carrer, gerente executivo de Vendas de Ônibus.
O modelo traz entre-eixo de 3.900 mm e possibilita a construção de carrocerias de até 7.350 mm. É equipado com o consagrado motor Cummins ISF de 3,8 litros, com sistema de pós-tratamento de emissões SCR, baseado na utilização de Arla 32, e traz transmissão ZF S5 420 de cinco marchas.
A estreia do 8.160 ORE1 no Programa Caminho da Escola marca a entrada e extensão das características de robustez, durabilidade, segurança e acessibilidade já consagradas com o 15.190 na categoria ORE2.

Inteligência em transporte para as cidades
O Volksbus 8.160 OD ONUREA (Ônibus Urbano Escolar Acessível), em configuração piso baixo e suspensão pneumática, é outra novidade da MAN Latin America. O modelo estreia no mercado com entregas ao programa federal Caminho da Escola, que deverão ser realizadas até 2017.
Desenvolvido especialmente para vias de difícil circulação, permite a opção de portas em ambos os lados, acomodação de até três boxes para cadeirantes e carrocerias de até 9 metros de comprimento. Também está disponível para empresas de transporte urbano e traz dentre suas principais vantagens o melhor trânsito em vias urbanas, trazendo maior agilidade no embarque e desembarque, ampliando a autonomia e inclusão das pessoas com necessidades especiais – o acesso de cadeirantes é ágil, seguro e confortável - 20 segundos, em média.
O veículo amplia para as categorias mini/micro o conceito de acessibilidade por rampa, sem a necessidade do uso de elevador. As características, aliadas ao piso baixo, trazem um conceito inovador e pioneiro de para o Brasil: o modelo é o primeiro micro-ônibus da categoria com piso baixo com motorização dianteira e suspensão pneumática, que por sua vez permite o rebaixamento ou o levante da altura do piso do veículo, facilitando o embarque dos passageiros ou a sobreposição de obstáculos, respectivamente.
A flexibilidade construtiva do veículo permite estender suas aplicações também ao transporte executivo, translado e circular de aeroportos, rotas alimentadoras e periféricas de bairros onde veículos maiores não conseguem acessar.
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário