Leilão global de máquinas pesadas tem 240 lotes com valor agregado de até US$ 15 milhões

Os investidores estrangeiros que quiserem fazer bons negócios terão boas oportunidades com o primeiro leilão global de máquinas pesadas do país. Durante três dias, de 17 a 19 de maio, mais de 15 grandes empresas brasileiras, entre construtoras, montadoras e concessionárias, vão disponibilizar 240 lotes de bens para venda, que juntos somam cerca de US$ 15 milhões. Os ativos estão localizados em mais de 27 cidades dos estados de Amazonas, Pará, Pernambuco, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul, Goiás, Minas Gerais e também no Distrito federal. 
Para Pedro Suplicy Barreto, diretor comercial da Superbid, a oportunidade de compra é únicapara quem está fora do Brasil, pois mesmo com o câmbio oscilante, as taxas mantem-se sempre vantajosas para os estrangeiros. “Com o dólar e euro apresentando taxas mais altas, esse leilão será uma excelente oportunidade para investidores estrangeiros realizarem bons negócios, justamente porque vão conseguir valores extremamente atrativosem produtos de muito bom estado”, afirma. Barreto revela ainda que entre os principais mercados compradores estão África, Oriente Médio, Ásia, Europa e América do Sul. “Acreditamos que a adesão geral será muito boa, mas vemos apenas um interesse menor dos EUA por causa da rigorosidade da agência de proteção ambiental americana, a EPA (Environmental Protection Agency), que é muito rigorosa quanto a emissão de poluentes e nem todos os equipamentos ofertados possuem este selo”, explica.
Além disso, o executivo destaca que foram realizados testes bem criteriosos de avaliação em cada uma das máquinas ofertadas, para dar garantias e segurança aos interessados na compra. “Realizamos um trabalho diferenciado referente à avaliação dos ativos ofertados. Por meio de laudos técnicos de inspeção, verificamos minuciosamente cada componente dos equipamentos, além de serem aplicados teste de pressão de óleo do motor e componentes hidráulicos em todas as máquinas”, garante.
Serão realizados três dias consecutivos de leilão, onde as respectivas datas vão agregar lotes de diferentes categorias de acordo com a aplicação de cada máquina. O leilão já está disponível e os lances podem ser feitos até às 11h nos respectivos dias, pelo portal Superbid (www.superbid.net), plataforma online de leilões presente em cinco países da América Latina. Também é possível realizar os lances pessoalmente na sede da companhia, em São Paulo, localizada na Alameda Lorena, 800, 2º andar, Jardim Paulista. Mais informações pelo telefone (11) 4950-9400, ou pelo hotsite (versão em inglês): www.superbid.com

Destaques do leilão
No primeiro dia de leilão estão ofertadas máquinas de transporte e elevação, os destaque são: um guindaste elevatório MI-Jack MJ-40, ano: 2010; um guindaste portuário Gottwald MHC1, com gruas portuárias móveis, HMK 280E, ano de 1998, cap.100 toneladas, e outro guindaste Fantuzzi Reggiane MHC-2, com gruas portuárias móveis, ano 2001, cap 100 toneladas, todos com lance inicial de US$ 150 mil.
Já para o segundo dia, de terraplanagem e mineração, uma motoniveladora Volvo G940, 2011; um caminhão Caterpillar OFF-Road, 1995, 777C a partir de US$ 150 mil, um trator de esteira Caterpillar D6NXL, 2013, com lance a partir de US$ 110 mil, são os mais notórios itens. 
Para o último dia, de máquinas concreteiras, asfaltadoras e de diversas utilidades, uma bomba concreteira TOR, 2007, T8486, TB 130, com lance inicial de US$ 1,3 milhão é o destaque do leilão. Além disso, ainda estão disponíveis para venda nesta data uma pavimentadora de concreto Wirtgen, 2005, SP850, a partir de US$ 350 mil. 
FONTE: Divulgação 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário