Prejuízo com pneus de caminhões roubados chega a R$ 260 mil em 2016

Pelo menos 153 pneus de caminhões já foram roubados em ações criminosas no Tocantins em 2016. Levando em consideração o pneu intermediário, que custa cerca de R$ 1,7 mil em lojas de Palmas, o prejuízo causado é de aproximadamente R$ 260 mil. Isso sem levar em consideração os aros, que podem custar entre R$ 500 e R$ 600, dependendo do tipo.
Até agora foram cinco ações criminosas em cidades às margens da BR-153, que corta o estado de norte a sul. Foram registrados ataques em Fortaleza do Tabocão, Pugmil, Aliança do Tocantins e Cariri do Tocantins.
O presidente do Sindicato dos Caminhoneiros Autônomos do Estado do Tocantins, José Aparecido do Nascimento, disse que há um comércio clandestino e os roubos não se limitam aos pneus.
"É uma mercadoria fácil de revender. Infelizmente as polícias são mal aparelhadas e há uma ineficiência em quem fiscaliza. Os criminosos roubam não apenas pneus, mas cargas e os veículos também. Nós não temos segurança nas estradas ou uma política que seja eficaz nesse sentido."

Roubos
Os criminosos agem sempre do mesmo modo: abordam os caminhoneiros durante a noite e levam o veículo para estradas vicinais. Os motoristas são amarrados ou ficam na mira de armas e são deixados no veículo depois que as rodas são roubadas.
Os casos foram atendidos pela Polícia Rodoviária Federal por terem acontecido às margens da rodovia federal. Porém, a PRF disse que faz somente o registro da ocorrência e o trabalho preventivo com vistorias nos postos de fiscalização. Por isso, a investigação é repassada para a Polícia Civil.
A Secretaria de Segurança Pública do Tocantins (SSP) foi questionada sobre os roubos e se limitou a dizer há uma investigação está sendo realizada pelas Delegacias de Investigação Criminal (Deic) de Araguaína e Gurupi. Conforme a secretaria, há indícios de que os ataques sejam de uma quadrilha especializada.
Procurado, o delegado da Deic de Araguaína, José Anchieta, disse que as investigações ainda estão no início.

Ataques
O primeiro roubo de 2016 ocorreu em Aliança do Tocantins, no final do mês janeiro, quando os criminosos levaram 18 pneus de um caminhão. O segundo caso foi em Fortaleza do Tabocão, também na BR-153, quando os ladrões levaram 31 pneus.
Um caminhão tanque de transporte de combustíveis teve 33 rodas e pneus roubados na noite do dia 27 de fevereiro, próximo de Pugmil, região central do Tocantins. Nessa ação, o veículo ficou em cima de tocos de madeira.
Outro caminhão teve 35 rodas roubadas no dia 11 de abril, em Cariri do Tocantins, sul do estado. Mais uma carreta foi alvo da ação criminosa novamente em Fortaleza do Tabocão na noite do dia 12 de abril, quando os criminosos levaram 36 rodas.
FONTE: G1 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário