VÍDEO: Randon desenvolve o primeiro super rodotrem brasileiro

Nessa sexta-feira (5), a Randon Implementos Rodoviários saiu na frente e divulgou o desenvolvimento do primeiro super rodotrem canavieiro do Brasil. A novidade foi apresentada por meio de um vídeo publicado nas redes sociais da implementadora. 
Segundo a publicação o super rodotrem canavieiro Randon utilizará a mesma caixa de carga e o mesmo quadro de giro em ambos os semirreboques. O modelo desenvolvido passou por dezenas de cálculos estruturais, afim de identificar possíveis falhas e estresses que durante a operação poderiam resultar em graves acidentes. 
Após aprovação dos cálculos e construção, o modelo passou por testes de validação no campo de provas da Randon localizado em Farroupilha, Rio Grande do Sul. O campo ocupa uma área total de 87 hectares e é resultado de um investimento de mais de 25 milhões de reais. No vídeo é possível conferir o primeiro super rodotrem brasileiro em testes de rampa, curva e manobras.
O super rodotrem Randon já atende os requisitos das resoluções 640/16 e 663/17 do Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). A Resolução 663/17 publicada no último mês estabelece como principais requisitos, peso bruto total combinado (PBTC) superior a 74 toneladas e inferior ou igual 91 toneladas, comprimento mínimo de 28 metros e máximo de 30 metros e altura máxima de 4,40 metros. O modelo apresentado no vídeo possui 30 metros de comprimento e PBTC de 91 toneladas. 


Ao final do vídeo a Randon destaca os próximos passos que serão seguidos, sendo a inclusão da combinação de veículo de carga (CVC) na portaria 63/09 e o início dos procedimentos operacionais para concessão da Autorização Especial de Trânsito (AET). 
Até o momento não foram reveladas as datas de lançamento oficial do produto e início das vendas. Porém a legislação que autoriza a circulação da nova configuração já está em vigor. 

Confira o vídeo divulgado pela Randon: 
TEXTO: Lucas Duarte
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

3 comentários:

  1. Interessante, mas a resolução pede engate da Dolly ao outro semirreboque por quinta roda, o que não vemos nesse conjunto dedicado ao segmento canavieiro. Estão usando engate que costuma ser comum nesse segmento, mas a resolução pede outro.

    ResponderExcluir
  2. A Randon saindo na frente. Parabéns a todos envolvidos nesse projeto.

    ResponderExcluir