Projeto de lei obriga motoristas de ônibus a receberem treinamento sobre proteção a ciclistas

Cerca de dois mil ciclistas morrem no trânsito todos os anos, segundo a Associação Brasileira de Prevenção de Acidentes de Trânsito. Em razão disso, para garantir mais proteção, a Comissão de Viação e Transportes da Câmara aprovou projeto de lei (nº 4658/2016) que estabelece, aos motoristas de coletivos, treinamento sobre normas de segurança e proteção ao trânsito de bicicletas. O texto prevê que condutores de ônibus já habilitados devam fazer o curso quando renovarem a carteira. Já os novos motoristas devem receber o treinamento ainda durante o processo de formação.
Para o relator da proposta, deputado Remídio Monai, do PR de Roraima, o projeto conscientiza motoristas profissionais a manterem distância segura entre ônibus e bicicleta.
"O que a gente precisa é que o motorista tenha consciência e sensibilize que o veículo automotor tem que proteger o menor no trânsito."
Felipe Lourenço, colaborador do portal Mobilize Brasil, usa a bicicleta todos os dias para ir ao trabalho e afirma que sempre presencia cenas de negligência dos condutores de ônibus.
"A gente vê problemas em geral com os motoristas por desconhecimento da lei, ou porque simplesmente ignoram o que está na lei. O próprio código de trânsito estipula a distância de 1,5 metro ao passar pelo ciclista, em que o motorista deve respeitar essa distância; deve reduzir a velocidade ao passar pelo ciclista, mas muitas vezes os motoristas ignoram essa questão."
O ciclista considera o projeto importante, pois alerta motoristas de coletivo a terem mais cuidado.
"É superpositivo. Todo motorista tem que ter uma educação permanente, uma reciclagem constante para reforçar essa necessidade do respeito tanto do ciclista, quanto do pedestre, que também sofre muito com esse desrespeito diário."
A proposta segue para análise na Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, e como tramita em caráter conclusivo, não precisará ser votado em plenário.
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário