113: O queridinho das estradas

Foi em 1991 que a Scania lançou o famoso T 113, junto com a série 3. O modelo, que chegou para revolucionar o mercado e tinha cabina com capô, apelidada de jacaré, era oferecido nas versões simples ou leito e com possibilidade de diversos adicionais.
Os motivos para o caminhão se tornar o preferido entre os motoristas eram inúmeros: o azulzinho – que era o caminhão mais pesado e potente da época, com seu tradicional motor de 11 litros e 360 cv –  ficou famoso por conta da sua força, conforto e robustez. Foi também, sem dúvidas, uma referência em sua categoria, além de um ótimo valor de mercado.
A parte mecânica também foi motivo de amor à primeira vista. Sua manutenção era considerada de baixo custo e fácil mão de obra. Apesar da fama em todo o mercado de que o caminhão não quebrava, era muito fácil encontrar peças do modelo para reposição.
Mesmo depois ter deixado de ser fabricado, o T 113 ainda mexe com o coração de todos os caminhoneiros e apaixonados pela marca de todo o Brasil. Não é à toa que esse foi o caminhão da Scania mais vendido da história. O veículo foi comercializado no mercado entre os anos de 1991 e 1998 e vendeu 26.398 unidades.

LEIA: Scania apresentará série especial em homenagem a 113H
FONTE: Scania 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário