Ação autua mais de 20 empresas por não dar descanso a caminhoneiros

Mais de 20 empresas de cargas foram autuadas por submeter caminhoneiros a jornadas de trabalho excessivas e condições precárias de trabalho.
A ação, de auditores fiscais do Trabalho e agentes da Polícia Rodoviária, ocorreu em um trecho da BR-116 Sul em Feira de Santana. Um dos condutores, que viajava de Belo Horizonte à Candeias, dirigia há mais de 20 horas sem parar. Na ação, dezenas de motoristas foram identificados em condições precárias e quatro caminhões foram interditados.
Os fiscais contataram irregularidades, como falta de registro de motorista e não concessão do descanso para repouso e alimentação.
Ainda segundo a inspeção, também foi identificado o transporte irregular de trabalhadores, entre eles um jovem menor de 18 anos, em uma van que vinha de Minas Gerais em direção ao Ceará.
Diante das irregularidades encontradas, a fiscalização do trabalho lavrará 45 autos de infração para as mais de 20 empresas em descumprimento à legislação trabalhista.
FONTE: Mídia Bahia 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário