MoBag: Mobilidade para Bagageiros recebe o Prêmio Alcoa de Inovação em Alumínio

A Alcoa divulgou na última semana os dois projetos vencedores do 13º Prêmio Alcoa de Inovação em Alumínio. O projeto vencedor na categoria Profissional foi o MoBag: Mobilidade para Bagageiros, de autoria de Tais Silva Lima e Luiz Felipe Santa Cecília. de Belo Horizonte (MG), os dois criaram um sistema para ser aplicado nos bagageiros dos ônibus de turismo que oferece maior mobilidade no manuseio das malas. O sistema consiste em uma espécie de gaveta que se adapta aos compartimentos de malas. Como esse sistema é todo feito em alumínio, foi possível propor um design arrojado e leve, , aumento de apenas 70 kg no peso total do veículo.
A ideia nasceu após os integrantes observarem o esforço e o desgaste físico dos funcionários das empresas de ônibus na hora de despachar as bagagens, ela, designer e ele, desenhista industrial, pensaram em um sistema feito em alumínio que promove ganho de produtividade, segurança e saúde ao trabalhador. “Como os bagageiros ficam na parte inferior dos ônibus, o movimento repetitivo de abaixar e levantar, para retirar e colocar malas, pode ocasionar lesões nos colaboradores das empresas rodoviárias”, argumenta a autora responsável pelo projeto, Tais. Em vista disso, o MoBag é uma alternativa que previne futuras complicações diminuindo sensivelmente o afastamento de funcionários. Aos clientes, o sistema garante o transporte da bagagem com segurança e eficiência na hora do embarque e desembarque, impactando na boa qualidade de atendimento e avaliação da empresa.
Muito satisfeitos com o reconhecimento, Tais e Santa Cecília avaliam que o Prêmio Alcoa Inovação em Alumínio incentiva a continuação do projeto. “O MoBag ser escolhido como vencedor da categoria Profissional nos faz acreditar que estamos no caminho certo e que o projeto tem potencial”, comemora, Tais. 
PREMIAÇÃO
Os grupos vencedores, tanto da categoria Profissional como da Estudante, receberam um troféu e o valor de R$ 20 mil em certificados de ouro. Cada integrante também recebeu um diploma. Na categoria Estudante, o professor orientador do projeto vencedor recebeu R$ 7 mil em certificados de ouro. Já a instituição de ensino do grupo vitorioso receberá R$ 10 mil em equipamentos didáticos. O regulamento completo pode ser acessado no site www.alcoa.com.br.

SOBRE O PRÊMIO
A escolha dos finalistas foi realizada por uma Comissão de Seleção, formada por 10 profissionais de diversas áreas da Alcoa. Foram levados em consideração critérios como a consistência das informações preenchidas no Relatório Descritivo, grau de inovação, potencial de aplicabilidade e de sustentabilidade da proposta. As 10 equipes selecionadas passaram por uma segunda etapa de avaliação, que contou com a apresentação dos projetos para uma Comissão de Premiação, composta por quatro profissionais de mercado e dois membros da Alcoa. Durante a apresentação, os protótipos desenvolvidos também foram avaliados pela Comissão, que escolheu os dois projetos vencedores. 
A 13ª edição do Prêmio Alcoa de Inovação em Alumínio conta com o apoio institucional das principais entidades do setor, como Instituto de Engenharia (IE), Associação de Ensino/Pesquisa de Nível Superior em Design no Brasil (AEnD-BR), Associação dos Designers de Produto (ADP), Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração (ABM), Associação Brasileira das Empresas de Design (ABEDESIGN), Conselho Empresarial Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável (CEBDS), Instituto Ethos,  Green Building Council Brasil (GBC Brasil)e apoio técnico da Associação Brasileira do Alumínio (ABAL). 
FONTE: Assessoria de Imprensa 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário