Mais de 25 mil postos de trabalho são fechados no setor de transporte em 2016

A queda na demanda por serviços de transporte, reflexo da recessão econômica que atinge o Brasil, já causou o fechamento de 25,3 mil postos de trabalho nas empresas de transporte e logística, somente no primeiro bimestre de 2016. O número representa um terço dos resultados de 2015, quando 76,4 mil pessoas perderam suas vagas no setor. Os dados são do Ministério do Trabalho.
Somente o transporte terrestre perdeu 20,8 mil trabalhadores nos dois primeiros meses deste ano, resultado direto do enfraquecimento da atividade econômica. A demanda pelos serviços do segmento caiu 9,6% nesse período. No acumulado de 12 meses, a diminuição chega a 10,4%. Em 2015, foram 53,4 mil demissões.

Sondagem
Os resultados confirmam o que revelou a Sondagem Expectativas do Transportador - 2015, levantamento realizado pela CNT (Confederação Nacional do Transporte) no segundo semestre do ano passado, sobre as perspectivas para 2016. Para 68% dos empresários ouvidos, a recuperação da economia só ocorrerá a partir de 2017. Desses, 20% creem que os resultados só começarão a melhorar em 2018. 
A Sondagem apontou, ainda, que quase 80% dos empresários teve que reduzir o quadro de funcionários no ano passado e 30% diminuíram a expectativa de contratações formais para 2016. “O momento é de alerta e inspira cuidados nos diversos segmentos do transporte. Os dados revelados pela Sondagem de 2015 apontaram a pior expectativa em relação ao desempenho das atividades do transporte desde o início do levantamento, em 2012”, disse o presidente da Confederação Nacional do Transporte, Clésio Andrade.  
FONTE: Agência CNT 
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário