Transporte coletivo de Anápolis é 100% Volkswagen

Atendimento diferenciado de pós-vendas e tecnologias exclusivas para o mercado foram algumas das características principais para o Grupo São José renovar o transporte urbano de Anápolis (Goiás) totalmente com veículos Volkswagen. A empresa adquiriu 103 chassis, entre os modelos VW 17.230 OD, 17.230 OD Full Air (suspensão 100% pneumática) e o 18.280 OT LE (piso baixo), que completam a frota da cidade, que já ultrapassa as 200 unidades com a chancela Volkswagen.
“Não tive dúvidas em adquirir os chassis Volksbus, pois além de já conhecer a qualidade dos produtos, conto com veículos com a tecnologia EGR, que facilita o abastecimento e possibilita significativa redução do custo. Além disso, escolhi o câmbio automático para o modelo de piso baixo, o que alcançou todas as minhas expectativas e da licitação da cidade”, confirma Luciano Lopes, diretor do Grupo São José, que conta com mais de 900 veículos Volkswagen em diversas operações pelo Brasil.
Os veículos vão operar por mais de 1,3 milhão de quilômetros por mês em diversas zonas de transporte de Anápolis, que conta com população de mais de 366 mil habitantes. Grande destaque para convencionar a compra, o atendimento pós-venda da região fica por conta dos consultores da concessionária Futura Caminhões. “Temos uma rede consolidada de representantes pelo Brasil, com 156 pontos que seguem o lema de atendimento sob medida aos nossos clientes”, destaca Ricardo Alouche, vice-presidente de Vendas, Marketing e Pós-Vendas da MAN Latin America.
Desenvolvido para as severas operações do transporte urbano e também como excelente solução ao serviço de fretamento, o VW 17.230 OD combina a tecnologia de um motor MAN D08 EGR, que não necessita o abastecimento de Arla 32, à robustez e  confiabilidade já reconhecidas do modelo. Com a suspensão 100% pneumática, alia maior conforto e durabilidade para a operação, além de apresentar um novo tanque de combustível com bocal reposicionado, o que facilita o acesso ao abastecimento e o encarroçamento do veículo.
Já o Volksbus 18.280 OT LE (Low Entry) conta com motor MAN D08 EGR de seis cilindros e 280 cavalos de potência. Apresenta as opções de transmissões automáticas ZF Ecolite e Voith Diwa 5, que atendem às demandas de um mercado cada vez mais exigente por opções tecnológicas avançadas. Com balanço dianteiro adaptável e oferecido com entre-eixo de 3.000 mm, o veículo permite diferentes alternativas de carrocerias, que se adequam à melhor necessidade da operação. Ainda possibilita ter portas em ambos os lados.
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário