Pioneirismo da Mercedes-Benz em sistemas de segurança é destaque em evento na Europa

A questão da segurança em veículos comerciais sempre foi parte integrante da estratégia corporativa da Daimler, tornando-se um posicionamento de marca num estágio ainda muito precoce de sua história. Tendo essa visão como base, a Mercedes-Benz Trucks está se destacando na maior feira de veículos clássicos da Europa – a "Retro Classics 2016", em Stuttgart, na Alemanha, entre 17 e 20 de março – com a exposição de 14 modelos, sob o lema "Sistemas de segurança em caminhões sob uma perspectiva histórica".
A marca cujas origens remontam aos pioneiros da indústria automotiva Gottlieb Daimler e Carl Benz e que, mais do que nenhuma outra, é sinônimo de motorização dos transportes de passageiros e de carga, está celebrando, em 2016, o aniversário de "120 anos do caminhão". Após vários anos de desenvolvimento, a Daimler-Motoren-Gesellschaft entregou seu primeiro caminhão motorizado a Londres em 1º de outubro de 1896. Este caminhão, equipado com um motor de dois cilindros e potência de 3 kW (4 hp), foi configurado para uma carga útil de 1,5 tonelada.
No mesmo ano de 1896, Benz forneceu um veículo de entrega com carroceria tipo baú para a loja de departamentos de Paris chamada "Du bon Marché".
Na “Retro Classics” deste ano, a Mercedes-Benz está, portanto, chamando a atenção para o papel de liderança que sempre desempenhou no desenvolvimento tecnológico de veículos comerciais.
O desenvolvimento do freio pneumático de duplo circuito e do sistema antibloqueio ABS, no qual os pesquisadores e engenheiros da então Daimler-Benz AG começaram a trabalhar já nos anos 1960, são apenas dois dos primeiros destaques da história dos sistemas de segurança para veículos comerciais.
O primeiro protótipo de ABS para automóveis foi apresentado em 1970. Ele atingiu o estágio de produção em 1978 e foi inicialmente introduzido para os modelos da Classe S. A marca Mercedes-Benz continuou e apresentou o primeiro ABS de caminhão para combinações de cavalo-mecânico com reboque ou semirreboque já em 1981.

Do ABA ao "Highway Pilot"
Nos anos mais recentes, entre os grandes destaques do desenvolvimento de tecnologias de segurança para veículos comerciais figura o inovador "ABA – Active Brake Assist" (assistente ativo de frenagem). Introduzido no caminhão pesado Mercedes-Benz Actros em 2006, desde então, ele mais do que demonstrou seu valor na prática. A 3ª geração do revolucionário ABA foi disponibilizada em 2012. Desde seu lançamento no mercado, mais de 66.000 caminhões pesados receberam essa tecnologia de frenagem emergencial.
O trabalho de desenvolvimento da Mercedes-Benz Trucks não para por aí: o "Blind Spot Assist" (assistência para ponto cego) e o "Highway Pilot" (piloto automático para estradas) são as inovações mais recentes. Com o "Blind Spot Assist", os engenheiros da Daimler previram uma significativa redução em acidentes graves que podem ocorrer quando os veículos estão fazendo curvas. O assistente eletrônico atua como se fosse um par de olhos extras para o motorista. Já o "Highway Pilot" representa um primeiro passo decisivo rumo à condução autônoma de caminhões.
A segurança sempre foi parte integrante da estratégia corporativa da Daimler – sua visão de futuro é a condução livre de acidentes. E o trabalho continua sem descanso rumo a esse objetivo.
Do N1 de 1926 ao "Safety Truck"
Na "Retro Classics", os modelos em exposição demonstram a tradição de longa data da Divisão de Caminhões da Daimler AG, líder global nos segmentos de veículos comerciais leves, médios e pesados, como também veículos para aplicações especiais, como o Unimog.
A jornada ao longo do tempo começa com o modelo que leva o conciso nome de “N1”. Este caminhão de 1,5 tonelada, construído em 1926, conseguia transportar uma carga útil que uma Sprinter assume hoje em dia. Em termos de segurança do veículo, o sistema de freios exibido na feira, que hoje parece arcaico, mostra que ainda havia um caminho muito longo à frente no desenvolvimento tecnológico. Em contraste, o Actros 1863 “Safety Truck” demonstra o que está disponível agora de série, especialmente em termos de segurança ativa do veículo.
Algumas tecnologias de segurança desenvolvidas pela Daimler ao longo dos anos conseguiram influenciar a legislação. Um exemplo bem recente é o requerimento da União Europeia para instalação do ABA e do "Lane Keeping Assist” (sistema de orientação de faixa de rolagem) nos caminhões e ônibus que fossem registrados a partir de novembro de  2015.
Este dois sistemas já estão disponíveis em veículos da Daimler: o ABA há dez anos e o “Lane Keeping Assist” por 16 anos, primeiro nos caminhões e depois nos ônibus rodoviários. Outro exemplo: desde o outono de 2014, o programa eletrônico de estabilidade "ESP" virou exigência obrigatória para vans licenciadas recentemente. Porém, o “ESP” já era equipamento de série na Mercedes-Benz Sprinter desde 2002.
FONTE: Mercedes-Benz
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário