Paccar anuncia aumento da produção de caminhões DAF em Ponta Grossa

A montadora norte-americana Paccar está ampliando em quatro vezes a produção dos caminhões DAF em sua unidade em Ponta Grossa, nos Campos Gerais, instalada com o apoio do programa Paraná Competitivo. O anúncio foi feito pelo presidente da DAF Caminhões Brasil, Michael Kuester, ao governador Beto Richa, em encontro nesta sexta-feira (24), no Palácio Iguaçu, em Curitiba. A empresa, que fabricava um caminhão por dia até o ano passado, passará a montar quatro unidades diariamente a partir de maio.
“É com grande alegria que recebemos a notícia da ampliação da produção de caminhões DAF no Paraná. Sempre fomos entusiastas da parceria com a empresa para a instalação de sua unidade no Estado, que traz mais empregos e desenvolvimento à região dos Campos Gerais”, afirmou o governador. “A fábrica da DAF foi uma das primeiras a se instalarem no Estado com o apoio do Paraná Competitivo e contribuiu para consolidar o Estado como um dos principais polos automotivos do Brasil”, disse Richa. 
Michael Kuester disse que a unidade gera, hoje, cerca de 300 empregos diretos e indiretos. “Mesmo em um mercado como de caminhões, que não é forte, estamos investindo em longo prazo na marca. Temos o grande desafio de manter nossa rede de concessionárias no Brasil”, explicou o presidente. “O suporte que temos do Governo do Estado foi fundamental para instalar a fábrica em Ponta Grossa. O diálogo existe até hoje, sempre que precisamos temos acesso ao governo para encontrar soluções em diversas situações”, afirmou.

PRIMEIRA 
A unidade paranaense começou a ser construída em 2011 e entrou em atividade em 2013. É a primeira da marca fora da Europa e uma das mais modernas do mundo. A Paccar, controladora da DAF, investiu US$ 200 milhões na fábrica do Paraná. A empresa também investiu, no ano passado, R$ 60 milhões para a implantação de uma linha de montagem de motores na fábrica de Ponta Grossa. A montadora é a quarta maior fabricante de caminhões do mundo.

SEGURANÇA NO TRABALHO 
 No encontro com o governador, o presidente da DAF Caminhões também informou que a unidade do Paraná foi premiada, no ano passado, como a mais segura entre as mais de dez fábricas do grupo espalhadas pelo mundo. Segundo ele, a sede de Ponta Grossa está há dois anos sem registrar acidentes de trabalho.
Compartilhe no Google Plus
    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários:

Postar um comentário